Blog Mariando

Mudança X Geração mimada

Estamos em constante mutação, mas não nos damos conta disso porque somos resistentes, seres presos a paradigmas e mentiras contadas à nós desde a infância.

Você é a mesma pessoa de 10 anos atrás? Se for, você tem algum problema sério, me desculpe. De 05 anos atrás? Provavelmente não, mesmo que quisesse. Impossível permanecer o mesmo, mas, uma vez que aceite isso, a sua vida decola e acaba descobrindo coisas em que você mesmo nem imaginava existir. Quem conhece essa sensação sabe do que eu tô falando.

Inventaram uma verdade pra gente que só existiu na vida de quem contou, de como o mundo funciona, de como os empregos deveriam ser, de como os pais são a base de tudo e sempre tem razão. Bullshit!

Para tudo! Você tem hoje em dia, repertório suficiente para decidir como quer viver. Os modelos que nossos pais viveram já não servem mais pra nós e àqueles pais que insistem nos padrões antigos e julgam seus filhos por serem diferentes são no mínimo egoístas. Além disso, tenho visto também pessoas repetirem vários erros de seus pais, principalmente nos relacionamentos. Qual é o problema dessa sociedade!? Vocês não precisam ser iguais. Será que já não viram o bastante para poder escolher evoluir? Meu Deus! Se minha filha não fizer muitas escolhas diferentes das minhas e ter opiniões próprias, eu não fiz o meu trabalho.

Sabe o que eu vejo? Um bando de bebês chorões, mamando na teta dos pais e nunca contentes com seus relacionamentos pois afinal de contas, ninguém vai ser tão bom quanto sua mamãe ou papai. O que fazer neste caso? "Vamos levando nessa onda de amor livre, afinal de contas assim eu não preciso ter responsabilidades e comprometimentos!!!" E acho que já descobriram a cura da AIDS então, dá pra levar.

Estamos vivendo o "Me me me generation"

A conclusão é que você nunca vai descobrir quem é de verdade se não se permitir ser diferente, andar com as próprias pernas, insistir em algo, crescer e passar por dificuldades pra descobrir suas próprias forças! 

Já experimentou jogar tudo que tem guardado há anos fora? Começar do zero? Experimentar seu novo eu? Aquele de 2016 que ainda não lhe foi apresentado? O que? Vai desagradar algumas pessoas? Ouuuwwwwnnnn que dó de você! Mamãe vai ficar desapontada? Então fica lá agradando todo mundo, principalmente àqueles amigos um tanto egoístas que não querem que você mude porque não é favorável pra eles, mas querem que você entenda, quando eles mudarem. Hoje você serve pra eles assim como está, mas pergunte-se: Eles te agregam alguma coisa tão relevante que faça você permanecer exatamente como é para não sofrer rejeição? Hum, sei não!

Seus pais adoram dizer como você deve viver, não é? Esse seu namorado não presta! Ora bolas! Você precisa pegar alguém que não preste de vez em quando, faz parte dos aprendizados da vida e é uma delícia! Daí a mamãe amarga com a vida decide que àquela garota que você namora não é boa para você! Hahahaha essa eu tenho vontade de rir, sabe o que acontece? Essa garota fez você pensar diferente e isso não é bom para ela ;)

Lembre-se de uma coisa: Seus pais tiveram a chance deles de viver e viveram uma vida inteira antes de ter você. Eles não ouviram os pais deles também porque eles saíram de casa cedo, começaram a trabalhar cedo e tiveram responsabilidades muito cedo para ouvir os próprios pais. Você tem o mesmo direito, acorde! Agora não falo de não honrar pai e mãe, pelamordedeus tem que honrar e respeitar muito e sempre ajudá-los, mas isso não significa viver a vida deles, e tapar buracos da vida deles!

Você assistiu o relacionamento dos seus pais e foi um desastre? Sorte sua que assistiu e teve a oportunidade de fazer o seu diferente. Quantas pessoas tiveram essa chance? Garanto que seus pais não tiveram, por isso fizeram tanta merda. Mas você não tem desculpa, sinto muito. Se quiser se esconder e deixar seu amor ir embora porque seus pais diserram que...blá, blá, blá... seja mais um etão, fazendo parte dessa geração mimada em que vivemos.

Amigos de infância, esse rótulo é legal, faz você parecer uma pessoa estável, do tipo de mantém suas relações por anos e quanto mais os anos passam, menos você consegue cair fora do que muitas vezes pode ser uma verdadeira roubada. Porque sim, você atura pessoas falsas, desinteressantes, que provavelmente adoram se gabar de como deram certo na vida e são melhores do que você, dão aquele toque sutil pra te lembrar isso neh kkkkkkkkk.

Gente, larga isso, você não é um elefante acorrentado desde pequeno que quando cresce não tem ideia que pode ir embora e arrebentar essa corrente. Relacione-se com gente interessante pelamordedeus, que agregue algo em sua vida e que principalmente você, possa agregar algo na vida deles. Seria maravilhoso alguém conhecer o seu novo "eu", te respeitar, te ouvir e aprender algo com você. Essas pessoas que você carrega pela vida toda nas costas conhecem o seu "eu" do colegial, não conseguem te ver diferente, por isso encaram qualquer decisão sua como leviana, rebelde ou te marginalizam por um tempo depois voltam. Doentio. E aturamos por causa de um rótulo: amigos de infância.

Claro, que nem todas as pessoas que você conhece por muitos anos ou desde a infância são assim, óbvio que não, mas são bem poucas, tenho certeza. Da turma de 15 pessoas que vem seguindo com você, deixe 10 no caminho e fique com 5, só isso que sobra mesmo. Abra espaço para o novo! E não é porque eles são más pessoas, mas porque vocês se tornaram diferentes e algumas são más mesmo rsrs.

Outra coisa interessante, nossa geração quer tudo na hora, pra hoje! Sair com alguém pra se conhecer e estreitar uma possível relação? hahahahahahahahahahah só pode ser brincadeira né? A fila anda! É sempre assim, se você não for rapida outra vai ser e você sabe como é né? A outra leva. 

Se a lâmpada da sua casa queimar você troca de casa? Claro que não! Você conserta a lâmpada e decora o restante da casa. Bons tempos esses. Hoje a casa é trocada mesmo.

Aceite a natureza que te chama a mudar constantemente. Quer ajudar o seu planeta nessa onda de sustentabilidade? Então mude junto com ele, você faz parte disso. Cada um faz sua parte, não freie o progresso, talvez seu novo "eu" seja bem mais interessante que você hein, pense nisso. Sua mamãe? Vai aceitar porque não haverá escolha. Seus amigos de infância? Sempre haverá esse rótulo, mas terão uma visão panorâmica um tanto interessante de você. Você ainda ficará com aquele ar misterioso e vão contar histórias suas desde o colegial, numa daquelas reuniões mensais com os mesmos assuntos que fazem há 10 anos.

Continue Mariando!

Última modificação em Sexta, 19 Fevereiro 2016 18:34
Maria Carolina Mattos

Maria Carolina Mattos, formada em Marketing pela Universidade Paulista (UNIP) e MBA Executivo em Finanças pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Analista Financeiro, Blogueira e Empreendedora. Autora do blog Mariando, co-autora do blog Viagempara e fundadora da empresa de alimentos naturais NaturAll, além disso, mãe de uma menina linda de 11 anos ;)

Website.: www.mariando.com.br E-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.